Pacientes reclamam de insegurança após furto de veículos no estacionamento do HGP

Pacientes reclamam de insegurança após furto de veículos no estacionamento do HGP

A insegurança voltou rondar os pacientes e servidores do Hospital Geral de Palmas. Desta vez, furtos de veículos foram registrados no estacionamento da maior unidade de saúde pública do estado. Em um dos casos, os criminosos levaram uma roda de um carro e deixaram o veículo no chão.

O pedreiro Josué de Araújo Sousa gravou um vídeo mostrando o momento em que descobriu o prejuízo. O crime aconteceu em plena luz do dia. “Olha aí você que vem no HGP com um familiar internado, no meu caso o meu pai, aí bota [sic] o carro aqui no estacionamento. Chega, está aqui a surpresa: faltando um pneu. Levaram um pneu, ainda bem que foi só um.”

A Maria Aparecida estava acompanhando o pai no tratamento contra o câncer. Estacionou o veículo cerca de 8h da manhã desta quarta-feira (12) e quando voltou, três horas mais tarde, não encontrou o carro mais no local.
“Ficamos em choque porque a gente não acredita que possa acontecer isso. A gente acha que o carro está seguro e não está. É um absurdo”, lamentou a assistente administrativa.

A situação não é novidade. No ano passado, após uma onda de furtos na unidade, a polícia chegou a informar que as rondas foram reforçadas no hospital e a Secretaria Estadual de Saúde disse que estava avaliando contratação de serviços de segurança.

Na guarita também não tem ninguém controlando a entrada e saída de veículos e pessoas no hospital. “Se eu fosse vir de moto sozinha, não vinha, não. Porque não tinha coragem de deixar minha moto aí não, porque roubam direto aí”, disse a dona de casa Rosi Santana.

“Deixar fora é até mais seguro porque, na verdade, fora tem as pessoas olhando. Agora, aqui, cadê a segurança? Não tem, é zero. Alguém devia tomar providência porque a gente vê que há uma necessidade nessa área”, disse o pintor Claudimar Santos.
O que diz a secretaria
Em dezembro, a Secretaria de Estado da Saúde afirmou que o processo de contratação estava em andamento. Estamos em fevereiro e a resposta continua a mesma.

A Secretaria disse nesta quinta-feira (13) que está em fase final de estudo a contratação de segurança armada patrimonial, e instalação de vigilância eletrônica nos hospitais estaduais. Só não disse quando isso vai acontecer.
“Todos os esforços estão sendo empenhados para concretização de processo licitatório e consequente contratação dos serviços, para assim assegurar maior bem estar aos usuários do SUS”, diz nota.

(0)

radiopazpalmas
radiopazpalmas
A rádio da família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *